Sobre o evento

O Simpósio da Biodiversidade

Apesar dos estudos realizados em poucas centenas de anos de catalogação dos organismos vivos, apenas recentemente o termo biodiversidade veio à tona. Desde os anos 80, este é o tema mais discutido entre biólogos e ambientalistas do mundo todo.

Não faltam tentativas de definir o que é biodiversidade, mas uma das mais comumente utilizadas é que se trata da diversidade de espécies, genes e ecossistemas do nosso planeta. Em 1993 a ONU declarou o dia Internacional da Biodiversidade, que a partir do ano 2000 passou a ser comemorado no dia 22 de Maio, data da apresentação do acordo em Nairobi na Convenção sobre a Biodiversidade do ano de 1992.

Pensando no profissional capacitado para compreender a biodiversidade, criamos o curso de Ciências Biológicas com ênfase em Conservação da Biodiversidade no Campus de Rio Paranaíba da Universidade Federal de Viçosa em meados de 2009, com sua primeira turma ingressando em 2010. Um curso projetado para preparar o profissional do futuro, que compreende a diversidade biológica nos seus três principais níveis – genético, de espécies e de ecossistemas; que compreende a origem evolutiva das novidades biológicas que culminam em sua diversidade e que estão implicados em qualquer planejamento de manejo ou conservação; que compreende que a biodiversidade é fonte de alimento, medicamentos, cosméticos e outros produtos naturais; que compreende que as novas tecnologias não são inimigas, mas aliadas para o uso sustentável dos serviços ambientais; que compreende que o papel do ser humano no planeta não é de proprietário, mas de coadjuvante – o homem faz parte do meio ambiente.

Além de ser marcado pelo ingresso dos primeiros alunos de nosso curso, o ano de 2010 foi também marcado pela escolha pela ONU como o Ano Internacional da Biodiversidade. Comemorações aconteceram pelo mundo afora, culminando no dia 22 de maio. Neste mesmo ano, organizamos o SIMBIO 2010 – I Simpósio da Biodiversidade, cujo sucesso refletiu-se no interesse coletivo em seguir o projeto, de modo que em 2011 realizamos o II Simpósio da Biodiversidade, em um momento em que a ONU declara os anos de 2011 a 2020 como a década da biodiversidade. Ao mesmo tempo, nosso governo debate uma legislação que pode ameaçar um dos maiores patrimônios brasileiros – a sua megadiversidade, através da reformulação de um código florestal que dava mais importância à conservação de áreas prioritárias para a manutação de muitas espécies. Infelizmente, o texto final não prioriza a preservação como a academia sugere.

Na sequência, com o III Simpósio da Biodiversidade – SIMBIO 2012, consolidamos um evento que exprime a idéia da biodiversidade da vida, com temas e abordagens diversas, explorando diferentes áreas da Ciência.

Dando seguimento à curta tradição de trazer visitantes de todo o país para fomentar a discussão de temas polêmicos e de base que ajudarão na formação dos novos biólogos em formação na UFV campus de Rio Paranaíba e nas universidades e faculdades visitantes durante o evento, apresentamos o V Simpósio da Biodiversidade.